*Destaque Honda Lançamentos Sedãs

Honda City 2018 traz melhorias e preço de R$ 60,9 mil; sem ESP

Honda City 2018 traz melhorias e preço de R$ 60,9 mil; sem ESP

Seguindo a mesma linha do Fit, o sedã Honda City 2018 acaba de ser anunciado com boas mudanças no mercado brasileiro. Entre as novidades, o compacto “premium” ostenta retoques no visual, lista de itens de série mais recheada desde a versão mais básica e novas tecnologias. Por conta das alterações, o modelo ficou mais caro e agora é ofertado em cinco configurações diferentes com preços que variam de R$ 60,9 mil a R$ 83,4 mil.


Na parte estética, o destaque vai para os retoques na parte dianteira da carroceria. Lá, há uma nova grade com desenho que avança sobre os faróis, destacando o logotipo da marca ampliado ao centro, além dos novos faróis com luzes diurnas de LED em todas as variantes e refletor duplo e lâmpadas halógenas ou iluminação totalmente em LED no modelo EXL. A traseira ostenta um novo para-choque com desenho mais horizontal e lanternas com guias em LED a partir do modelo LX. Há também novas rodas de liga-leve de 15 polegadas (no DX) e 16 polegadas (nas demais versões) e limpadores de para-brisa com palhetas tipo flat blade.

Honda City 2018 traz melhorias e preço de R$ 60,9 mil; sem ESP

O interior do Honda City 2018 passa a oferecer novos detalhes de acabamento, como uma nova cor para o painel a partir da versão LX, bancos com nova padronagem de revestimento, entre outros.


Há ainda novos equipamentos de série. A versão DX agora oferece vidros elétricos com sistema um toque e fechamento automático pela chave, além de ar-condicionado manual, direção elétrica, sistema de som com Bluetooth e USB, volante com ajuste de altura e profundidade, chave tipo canivete, entre outros. O modelo Personal, o segundo mais em conta da gama, tem como foco o público que busca isenção fiscal (como pessoas com deficiência) e agrega recursos como câmera de ré, controle de cruzeiro, painel Bluemeter e retrovisores com luz indicadora de direção.

Honda City 2018 traz melhorias e preço de R$ 60,9 mil; sem ESP

Já o City LX recebe bancos traseiros rebatíveis em 40/60, comandos de áudio no volante, rodas de liga-leve de 16 polegadas, faróis de neblina, lanternas com guias em LED, entre outros. O EX agora oferece airbags laterais, ar-condicionado automático digital com comandos touchscreen, volante em couro, apoio de braço central dianteiro, sistema de som com tela de cinco polegadas e oito alto-falantes, câmera de ré, controle de cruzeiro, entre outros.

Por fim, o topo de linha Honda City EXL passa a dispor de uma nova central multimídia com tela de sete polegadas sensível ao toque, Android Auto, Apple CarPlay, navegador GPS e comandos de voz, câmera de ré em três ângulos e com indicação de distância por cores e retrovisores externos com rebatimento elétrico. A gama inclui também airbags do tipo cortina, bancos em couro, entre outros.

Honda City 2018 traz melhorias e preço de R$ 60,9 mil; sem ESP

Ou seja, o Honda City 2018 segue sem os importantes controles de estabilidade e tração e assistente de partida em rampas, que já são ofertados no Fit 2018.

O motor é o mesmo 1.5 litro i-VTEC flex, que rende 115 cavalos de potência com gasolina e 116 cv com etanol, a 6.000 rpm, e torque de 15,2 e 15,3 kgfm, respectivamente, a 4.800 rpm. O modelo DX usa uma transmissão manual de cinco marchas, enquanto as demais contam com um câmbio automático do tipo CVT com conversor de torque.

Honda City 2018 traz melhorias e preço de R$ 60,9 mil; sem ESP

Há duas cores inéditas: o Branco Estelar Perolizado e o Azul Boreal (metálico). A linha inclui ainda o Branco Tafetá (sólido), Prata Platinum e Cinza Barium (metálicas) e o Preto Cristal (perolizado). A marca oferece três anos de garantia, sem limite de quilometragem.

Confira abaixo os preços do Honda City 2018:

Honda City DX 1.5 MT 2018: R$ 60.900
Honda City Personal 1.5 CVT 2018: 68.700
Honda City LX 1.5 CVT 2018: R$ 72.500
Honda City EX 1.5 CVT 2018: R$ 77.900
Honda City EXL 1.5 CVT 2018: R$ 83.400

Galeria de fotos do novo Honda City 2018

Honda City 2018 traz melhorias e preço de R$ 60,9 mil; sem ESP
Este texto lhe foi útil??

COMPARTILHE
WhatsApp
  • Tochio

    Já tentei mas não consigo gostar desse carro, e olha que sou fã de sedan !!

    • Galeroso

      Então somos dois. Rs…

    • Mauro Schramm

      O modelo tem um visual interessante, em minha opinião. A falta de largura é que tira a harmonia, em meu modo de ver.

      • JOSE DO EGITO

        HONDA CITY mas pode chama-lo de MINI CIVIC kkkkkk ai se a moda pega!!

    • Davi Millan

      City, Fit, Camry e Corolla me dão sono só de olhar.

    • th!nk.t4nk

      Acho que falta originalidade pra esse City. Parece uma colagem de vários carros. Nao tem identidade.

  • Bruno Silva

    A Honda fuma erva, só pode. Lança o Fit com itens importantes, e o sedã dele permanece sem. Até prevejo que o WR-V tbm vai continuar sem ESP.

    • André

      Certamente devem ter feito um estudo e concluído que oferecer ESP pra brazuca não compensa. Devem ter se arrependido com o Fit e “corrigido” no City o “exagero” em equipamentos de segurança.

      • Renan Abreu de Moura

        Simplesmente vergonhoso esse city, manco e inseguro.

        Sem mais.

        • rgrigio

          O que dizer do meu voyage 1.0 então…. Ainda bem o nome dele é CITY

    • Davi Millan

      E deve ser das estragadas ainda… Deixou a liderança no colo do Virtus. Agora só falta das aquela desculpa esfarrapada que a Toyota dava para o Corolla dizendo que não era necessário devido a “incrível” estabilidade do carro.

      • Já ouvi isso na concessionária Honda no City anterior.

        • Davi Millan

          Vixe… Não sabia que a desculpa esfarrapada dos sem ESP já tinha se alastrados…

          • Já. E olha que foi em 2015.

            Fui com um cliente. Aliás, quer arrumar briga, elogia um Honda ou principalmente o Fit perto dele. Kkkk

            • Davi Millan

              Nossa. Difícil ver alguém que seja assim com Honda. Eu não sou fã, mas também não odeio tanto.

              • Falhas no acabamento, vidro elétrico com problema em 2 mil km.

                Casos assim, acho que é mais falha do produto específico.

  • Gran RS 78

    Só tenho uma coisa para dizer para o Honda City: Virtus. Sem mais.

    • Pedro154

      E eu tenho mais outra: Yaris.

      • Maycon Farias

        E tem mais outro: Cronos.

        • Ric53

          E eu tenho mais outra: Batata.

          • Maycon Farias

            Kkkkkkkk

          • Fanjos

            Amo batata nao tem explicação

        • Pedro154

          Yaris 1.8, Virtus 1.0 TSI e futuro Cronos 1.0/1.3 Firefly Turbo prometem complicar a vida do pobre City 1.5 aspirado.

          • Raul Pereira

            Prometem mesmo. E o City é pobre mesmo, porque ele é pesado que só em cima desse motor.

            • Eduardo Alvim

              Já dirigiu ele?

              • Raul Pereira

                Todo mundo que conheço que tem diz que é pesadinho. A geração anterior eu dirigi, não achei pesado, mas bebia que era uma beleza.

                • Eduardo Alvim

                  Tive um 2015 CVT por 60k km, desde zero. O motor é suficiente. O que as pessoas estranham é o CVT que dá a sensação de borrachudo. No modo sport e trocas nas aletas até dá para brincar um pouco. E era muito econômico, fazendo 15km/l na estrada em média, se me lembro bem. Como tem um espaço animal dentro e um senhor porta-malas, acredito que esteja de acordo. Me deixou nervoso com um carnaval que o painel começou a fazer com 20km, parecia a bateria da Mangueira. A concessionária arrumou quando reclamei. As revisões são caríssimas.

          • Pelo jeito quando o Firefly 1.3T chegar por aqui, a Honda já deve estar prestes a lançar algum turboflex abaixo do 1.5 do Civic.

        • beto

          Aposto mais neste.

        • JOSE DO EGITO

          E tem mais outra LOGAN (versao dinamique é claro)

  • Guilhe

    A honda tá muito acomodada, precisa levar um choque do mercado pra voltar a real.

    • Pablo Henrique

      Choque de mercado? Desde quando isso afeta os compradores de Honda e Toyota?

      • Raul Pereira

        Você citou um fator importante. Mas mesmo entre os clientes ‘fiéis’, há os que estudam mercado, pra esses, depedendo da css e do vendedor, geralmente oferecem uma versão ‘acima’ pelo mesmo preço da inferior quando vêem que vão perder a venda para a concorrência que oferece mais equipamentos. Dois tios meus conseguiram condições de preço legais nos Civic (geração anterior), porque souberam citar o que faltava no carro em comparação com a concorrência. Agora, pra isso tem que garimpar e dar sorte.

        • Antonio

          Vivo mudando de honda pra honda, pode me indicar uma concessionaria dessas?
          Gostei do “garimpar! Quando fiu comprar o meu primeiro City, dos tres que ja tive, quem teve que garimpar fui eu, e claro que buscava um seminovo, baixa klm. mas rodei todas as revendas de bh, e nos outros não foram diferente, e lhe afirmo com certeza, vendí dois, pra vender e mais facil do que pra comprar

          • Raul Pereira

            Cara, moro em SP. Mas vou falar com meus tios e ver onde compraram

      • Tommy

        Talvez não sejam tão afetadas pelas outras marcas, mas são muito afetadas quando uma das duas lança alguma coisa nova, é o Yaris logo logo chega, corrigindo os defeitos do City (motor 1.5 e 1.8, maior largura etc). Se Virtus e Cronos não abalarem o Hondinha o Yaris vai

    • Fanjos

      Olha as vendas de Civic esse mes

      • MauroRF

        Pífias.

    • FearWRX

      A Honda e Toyota só vai parar de vender a hora que os tiozinho e vovô morrerem, porque aí somos nós que vamos estar velho e aí sim saberemos o que estamos comprando.

  • Louis

    Vergonha vir sem ESP! Já risco da minha lista de possível compra.
    Outro que me decepcionei com a ausência de ESP é o 2008 Griffe, só tem na versão THP manual.

  • Eduardo Brito

    Mancada não ter ESP

    • th!nk.t4nk

      Ainda não? RIP. Haja cara de pau, num carro dessa faixa de preço em pleno 2018! Nao deveria existir nem carro popular em ESP hoje em dia.

  • Lucia C.

    Ainda bem que tem todos esses Airbags pra proteger os ocupantes quando o carro rodar na pista, já que não tem ESP. Muito bem pensado Honda!

    • Antonio

      Esse “carro” e um dos carros com aerodinâmica mais segura do mercado, faço curvas nele a 120 – 140 km/hora e nunca rodou.

      • Felippe2010

        Aerodinâmica mais segura?

        • Rodrigo

          O que ele chama de aerodinâmica na verdade deve ser o anjo da guarda dele agindo. Anjodinâmica!

          • Maycon Farias

            Merece um Oscar, foi a melhor do dia! rsrsrsrs

      • Felipe Alves

        Aerodinâmica mais segura????? Acho que voce entende tanto de carros quanto eu de Física Nuclear Quântica… rs

        • Antonio

          Voce deve estar falando de um jaguar, eu estou falando especificamente do City, que proporcionalmente ao motor que ele tem, sua aerodinâmica e ótima,.
          Aerodinâmica e isso, o peso, compatível com a fluidez do corpo do carro, proporcional a velocidade pela potencia do motor, está relacionada com a lei da física. neste quesito o City vai bem, conforme foi projetado.

      • Leonel

        Quais curvas? Têm umas tão abertas em rodovias que eu diria que são praticamente retas, nem curvas são. Eu acho que dá para fazer a uns 300 km/h :)

        Sinto que está tentando defender o indefensável. É inaceitável este carro neste segmento e com esta faixa de preço não ter ESP. Vergonhoso.

      • Carlos Rodrigo Carvalho

        Meu amigo, eu fiz uma cursa comprida e aberta no meu Prisma LT 1.4 2017 a 130 km/h, bem tranquilo, o bichinho nem mexeu para rodar e sair da pista, ele tava com porta malas cheio também.. Más, é uma mancada da Honda na colocar os controles de ESP no City, todos deveriam ter.

        • Pablo Henrique

          Carlos tbm tenho um Prisma LT 17, o seu é aut? O que está achando do carro?

          • Carlos Rodrigo Carvalho

            O meu é manual, eu gosto do carro, esperto nas arrancadas e ultrapassagens, o carro é bom, até agora não me incomodou em nada… A única coisa que sinto falta nele é um banco maior e mais espaço interno, de resto o carro é bom demais, na cidade e estrada!!

        • Antonio

          Não faça isso na minha frente, pois apesar de me sentir seguro no meu City, ele ainda não voa!

          • Carlos Rodrigo Carvalho

            Onde você mora? pode ficar tranquilo isso não vai acontecer. Agora, vale mais pagar 57 mil num prisma sem ESP do quê 83 mil num City sem ESP, por isso, hoje eu compraria o Virtus de olhos fechados!

            • Antonio

              Ainda somos uma nação de pluralidades, não importando onde se mora, cada um compra aquilo que lhe agrada, mas principalmente o que está compatível com o seu bolso, isso pra mim e que e racional.
              Quanto ao carro que posso ter, e adequado ao meu perfil, o City vai muito bem

              • Carlos Rodrigo Carvalho

                OK….

      • Marcelo Dosec

        Esse comentário foi sério?

        • Antonio

          Estou falando especificamente do City, que proporcionalmente ao motor que ele tem, sua aerodinâmica e ótima, contrario ao comentário pejorativo acima, o carro não roda na pista, por se tratar de um conjunto bem equilibrado, peso – potencia – velocidade

          • Samuel Henrique

            Opa, sem querer sem chato ou implicante, mas na verdade o foco do ESP não é fazer curvas apenas, ele ajuda quando alguns limites são ultrapassados e o motorista pode perder o controle da direção como por exemplo em uma mudança brusca de faixa ao desviar de um animal, situações onde há diferenças na pista ( uma saída repentina para um acostamento de cascalho), uma entrada forte em uma curva, etc… O ESP é um adicional para tentar manter o controle do carro em situações adversas… Vale lembrar que até super esportivos com suspensões e engenharia impecáveis tem esse recurso a disposição, e não importa o qual bom o carro seja, para a maioria dos motoristas em situação extrema, esse dispositivo pode ajudar a evitar um acidente (lembrando que ter ele não é motivo para abusar, há limites do que ele pode fazer).

            • Antonio

              Muito pelo contrário, seu comentario vem valorizar o debate, com termos educativos, e são bem vindos, neste mundo tecnológico, qualquer sabedoria ou descoberta a +, vem pra melhorar, a nossa cultura, até na forma de consumir
              Estava mesmo aguardando aparecer alguem para montar as letrinhas da macarronada das crianças aqui.
              Mas em momento algum, indiquei no meu comentário, a sopa de letrinhas (ESP/EAS) tão reviradas aqui ser o top de se explicar o efeito aerodinâmico desse carro, só citei o termo em resposta a provocação pejorativa de um comentário desarrazoado acima, que não condiz com a verdade.
              Mas falando especificamente do Sedan City como um todo, desde a sua criação, seu projetista design, o projetou na forma de uma “FLECHA” com o intuito de dar ao auto melhor estabilidade, principalmente em curvas acentuadas, na sua ideia, uma flecha arremessada, pelo seu desenho pontiagudo ela tende a traçar um percurso com maior estabilidade sem errar o foco recem-projetado, ou desvio pela força contrária do vento, e assim um objeto na forma que tem o City em alta velocidade ate mesmo em curvas, tende a colar ao solo pela sua forma pontiaguda, que extravasa, o vento contrário utilizando da contra pressão para sua propria estabilidade, provocando assim, mais segurança na sua condução.
              Quanto a sopa das letrinhas, aproveito seu rico comentario, e boto mais algum ingrediente
              falando das – ESP – nada mais e que um Programa Eletrônico de Estabilidade, que vem instalado no console dos carros mais modernos .
              EAS – Mais abrangente,e um sistema de controle de tração e também de altura do carro em relação ao solo. Também atua ao mesmo tempo como um auxiliar do ABS, agindo mesmo que o pedal não seja levado ao fundo. Sua função em condições extremas de frenagem é controlar a altura do veículo.
              E que no City, isso tem uma ajuda na conformidade com o seu desenho.

    • Rodrigo

      Pior que vai perder pelo menos uma estrela no LatinNcap se for testado nos novos critérios. Antes tinha 5 estrelas, agora será no máximo 4. E não me lembro se ele tem isofix…

  • Lucia C.

    O Virtus só não ganha de lavada desse City por conta do acabamento no interior, pq de resto…

    • F30FLORIPA

      Acabamento do City é tão tosco quanto o do Virtus.

      • Ricardo

        Sim, é que o preto engana, se o interior do Virtus fosse preto, melhoraria um monte.

      • Caulazaro

        Eu não compro carro nenhum com interior cinza. Acho ridículo.

      • Luis Fernando Pozas

        Não é… É um pouco menos pior

  • kravmaga

    Depois ainda tem gente que fala mal do Polo, Virtus e da VW.

    Mas quem compra carro por marca merece mesmo levar um “Ronda” medíocre como esse City.

  • RODRIGO

    virtus 1.0 tsi escolha racional!

    • Hugo Leonardo Dos Santos

      Até o MSI 1.6 com o pacote connect pack fica interessante por R$ 63 mil

      • Ricardo

        E deve andar mais que esse 1.5 fraquinho!

      • RODRIGO

        Pois é , tem o fiat cronos 1.3 turbo que vai chegar ! (pena que é 2020)

  • Luiz Pereira

    Vale lembrar que há mais de uma década o ESP é item de série nos EUA e Europa. Já passou da hora dos consumidores brasileiros serem mais exigentes!

    • FearWRX

      Dos vovô* brasileiro ser mais exigente.

  • Pennywise

    Virtus mandou um abraço !!!!

  • Bruno Voz

    Honda sendo Honda, caro e pelado…no mais o City segue mais do mesmo, com o velho motor 1.5.

  • Bruno Voz

    A Honda apreendeu o seguinte no Brasil, seus consumidores compram o carro só pela marca, só para mostrar o H para vizinho, e não se tem isso ou aquilo em equipamentos, vou mais além tem doido fã boy Honda q se o carro viesse só o volante com H e não tivesse ar nem direção, compraria.

    • Fanjos

      A maioria dos canhões são assim mesmo,sempre que vc fala que vai comprar qualquer carro de qualquer marca vc já escuta:
      Afffff vc pegou esse lixo? Com esse dinheiro eu comprava um Civic/Corolla/qualquer coisa japonesa usado! Vc é trouxa mesmo!

      A verdade é uma só, carros da Toyota e Honda estão no mesmo nível de qualquer marca consolidada com a diferença de oferecer muito menos cobrando muito mais ,quase sempre são péssimos custo benefício

      • Elias Silva

        Meu irmão também me fala, não compre o Polo, compre uma Duster pelo mesmo preço e etc… kkk… eu vejo o Polo como a escolha racional em termos de conjunto. Como não tenho filhos não preciso carros grandes para mais ocupantes, então não preciso de um maior. A única coisa que ele falou mais coerente era pra esperar o Kia Rio. Será que o Kia Rio vai ser um bom concorrente para os Hatchs?

        • Fanjos

          Qual foi a ultima vez que a Kia surpreendeu alguém?

          Então ao meu ver, vai ser indiferente.

      • Mauro Schramm

        Tem o fator assistência técnica, que na Honda e Toyota funcionam melhor do que nas outras marcas. Mas o preço das revisões da linha Fit e derivados é bem salgado. Acabei de deixar R$ 1.200,0 pela revisão dos 60.000 Km do City aqui de casa.

        • Fanjos

          Nunca tive muitos problemas com assistência VW, a da GM sempre achei excelente, na Ford realmente é problemática.
          Então isso não é suficiente para me fazer escolher uma marca em vez de outra

          • Mauro Schramm

            As pesquisas colocam o pós-venda da VW na rabeira. GM costuma ser a melhor dentre as 4 (ex) grandes. Pessoalmente, minha experiência com a Ford mostrou que se eles não chegam a ser um desastre, estão longe da Honda, por exemplo.

          • Mauro Schramm

            No caso desse City 2018, não tem pós-venda que salve. kkkk

  • TT 230

    Quem deveria dar o exemplo, faz exatamente o contrário. Novidade…

  • Lucas086

    Só rindo dessa honda kkkkkkkkkkkkk a marca que vende ouro invés de carros

  • Pedro154

    Yaris 1.8 e Virtus 1.0 TSI agradecem!

    • Luis Fernando Pozas

      Vamos torcer para que o yaris venha com 1.8.

      Com a atual depenation brazilian car manufacturing, eu acho que vai vir com os motores do Etios

      • MauroRF

        Capaz de vir o 1.5 do Etios e sem ESP. Não duvide da Toyota, kkkkkk.

  • Pedro154

    Esse carro nem fede nem cheira. Não tem um pingo de sal! Dá até sono.

  • Uranium

    Qual o sentido disso? Ofertar ESP de série no Fit e deixar o City, maior e mais caro, sem o item?

    • Razzo

      Surto psicótico da Honda.

  • Maycon Farias

    Na cor branca ficou bem bonito. Uma coisa tenho que elogiar… a Honda não usou o 59,900 para enganar, já arredondou pra cima.

    • Lucas086

      Mas enganou do mermo jeit o com uns 60,900

    • Matheus

      Mesmo que jamais compraria, prefiro pagar R$59.990,00 do que R$60.990,00. E você elogiando isso ainda, haha. Daqui uns dias eles arredondam pra R$100.000,00

      • Maycon Farias

        Foi irônico colega, eu também não compraria nem por 58. Não compraria praticamente carro nenhum 0km rsrsr

        • Matheus

          Ufa, rs.

  • O Coringa

    A Honda tem sérios problemas com partida por botão, Fit não tem, Wr-v não tem, Hr-v não tem, e agora City também ficou faltando, sem contar a falta do ESP… Piada!

    • Abdallah

      Problema nada, é louca de esperta, se vende pq mudar…….

    • Fanjos

      Vc falou de vários modelos e todos são o mesmo
      Fit normal, Fit de Nike Shox, Fit de tamanco e o Fit Carla Perez

      • Kkkkkk

      • fschulz84

        Po Fanjos, me fazendo cuspir o café e ficar rindo sozinho no trabalho?

        Fit de Nike Shox foi sensacional hahahhaa

        • Fanjos

          Pois é, assim o Fit Manlet ganha uns centímetros

  • Abdallah

    Ate acho bonito esse carro, sou fã de sedans, mas tava está na hora de trocar esses 1.5 pelos 1.0 turbo, mais eficiência e economia.

  • Leonel

    Sensacional. Quando achamos que virá um concorrente de peso para competir com Virtus e Cronos, a Honda faz isso.
    Merece vender 500 unidades mês e olhe lá. Virtus é dominante nesse segmento…

    • MauroRF

      A concorrência está facilitando a vida da VW, Virtus deverá vender bem.

  • Paulino Lino

    Ahhhh que isso?! Muito melhor um LED nas lanternas e no farol. Voces não acham? kkkkkkk……. olha a lavada que o Virtus vai dar nele !!!

  • Rodrigo

    Na contramão do segmento, do mercado e da vida, a Honda tem a proeza de lançar o carro sem ESP nem como opcional. Por que? Só eles devem saber…
    Vai entender o que passa na cabeça desses japas.

  • Natán Barreto

    Essa lanterna altezza até q caiu bem

  • Diego G. de Lima

    Um dos sedãs mais bonitos, mas como todo Honda não vale o que pedem.

  • RCX05

    Espero que o Virtus coma as vendas do city para que a Honda se arrependa amargamente de sua decisão.

    • MauroRF

      O City já vende pouco, e ainda virá o Yaris.

  • MauroRF

    Inadmissível lançarem um carro desse valor sem ESP. Isso é um absurdo.

  • MauroRF

    Vejam o que li em um site conhecido:

    “Segundo a fabricante, não equipar o City com tal equipamento se deu por conta da estratégia do produto. “A estratégia da Honda para aplicação de itens de segurança, incluindo o VSA, acontece de acordo com cada produto e sua estratégia de desenvolvimento. Neste momento, a estratégia para o City não inclui o item VSA”, explica a marca por meio de comunicado.”

    Pessoal, inacreditável isso.

    • Lucas086

      Absurdo, colocou no Fit e no mesmo carro na versão sedan, que teoricamente serve para famílias em viagens e tal, não coloca. É inexplicável isso.

      • MauroRF

        Devem ter fumado algo muito louco, só pode, rsrs.

        • Lucas086

          Kkkk isso mesmo, algo muito louco deve acontecer nas reuniões da Honda

          • MauroRF

            kkkkkk. Já fui lá na página do Face da Honda e falei que era o fim da picada o City, em pleno 2018 e com esse valor não ter ESP.

            • Lucas086

              Quero ver a resposta deles… vai ver eles vão dizer que o carro é mais estável que os outros, ai não precisa de tal “perfumaria”.

      • Ducar Carros

        O City, como o próprio nome diz, é um carro com vocação urbana, por isso tem motor 1.5. E, por isso, a Honda acha que não precisa de ESP.

        • Lucas086

          Que o City é um carro simples, todos sabem, a Honda que endeusa e o brasileiro comi a pilha da Honda… mas pelo preço cobrado, pelo posicionamento de mercado e pelos concorrentes, sem contar que todos os variantes de plataforma tem esp/tsc (fit, city e hr-v, apesar que o wr-v não tem), é o cúmulo do absurdo esse carro vim sem esses itens.

    • Ducar Carros

      A Honda vai testar as vendas do City sem o ESP para ver se o público-alvo (gente que não tem condições de levar o Civic) dá mesmo valor para isso, já que o Virtus e o Cronos terão.

      Se as vendas recuarem muito, ela põe o ESP no ano que vem; senão, mantém sem.

      • MauroRF

        Pode ser, porque aí ela economiza a implantação do ESP. Se bem que já li que a diferença entre instalar ou não o ESP é pouca.

  • Mauro Schramm

    A Honda deve odiar esse modelo. Só isso explica a ausência dos controle de estabilidade e tração.

    • MauroRF

      Já vende pouco, agora sem ESP e com a concorrência se fortalecendo, especialmente o Virtus, vai vender menos ainda.

  • Júnior Nascimento

    Eu trocaria fácil o cerato por ele, caso houvesse ao menos uma central multimídia descente e controles de tração e estabilidade.

    • Lucas086

      Trocava não, Cerato mais carro, mais potente, espaçoso e acabamento melhor.

      • Júnior Nascimento

        Ops, errei… Foi isso que eu quis dizer.

      • Não esqueça que o Cerato vem com aquele 1.6 maroto.

        • Lucas086

          Mais potente e com mais torque com o 1.5. O 1.5 é quase uma enceradera

          • Sim, isso é verdade.

            Mas para o Cerato, o motor do HB20 é um tanto quanto subdimensionado para o carro.

    • Ananias Anacleto

      O problema do CITY e FIT, no meu ponto de vista: Preço, lista de equipamentos de série, desempenho patético do motor 1.5 e suspensão mais dura que uma carreta agrícola.

      Fora isso são interessantes…….

  • Marcelo Dosec

    Caramba Honda, custava colocar o ESP?

  • Peuooo

    nao veio com esses equipamentos, pois a honda não enxerga o cronos e virtus como concorrente e eles estão guardando esta carta na manga, quando lançar o verdadeiro rival da Toyota. CERTEZA.

  • Olha os preços!!! Kkkkkkkkk!!! Não posso pagar por isso!! Não queria mesmo!!

    • Nem o aluguel você paga. Kkkkk

  • Luis Fernando Pozas

    Acho que a Honda pisou na bola… Subestimou o efeito Virtus… Não me surpreenderia se no ano que vem o City vier com modificações bem mais importantes…

  • Joacir

    Na primeira foto, pensei que fosse o Civic da versão anterior.

    • Somos 2.

  • Razzo

    Sem ESP ??? A Honda surtou de vez… Agora até o Fit é mais equipado queo City (e mais barato). Nem precisa falar da falta do motor 1.5
    Earthdream…
    Ficou fácil para o Virtus…

  • Leonardo

    Só digo duas coisas: Cronos e Virtus

  • Samluzbh

    Final de março sai o 2019 com ESP!

  • pedro

    Imperdoável a falta de ESP em um carro desse preço. Imperdoável!

  • Gomes

    A galera surta por não ter ESP. Na época que o Corolla não tinha era a mesma coisa é vendia tanto quanto vende hoje. A Honda está no mesmo caminho, se colocar ESP vai vender o mesmo volume porque o nível de fidelidade é altíssimo e quem quer as novidades Virtus ou Cronos não é pelo ESP que vão comprar City. Japoneses sempre racionais e assertivos, conhecem bem seu público. Para quem é apaixonado por carro, reclama, mas para quem é racional, pode ter relógio de Del Rey no painel que está valendo. Podemos reclamar a vontade, mas o mercado (cliente) é o senhor da razão.

    • Ananias Anacleto

      Olha, depende ….. Aqui onde moro a Honda tem o hábito de pedir na faixa de R$10.000 acima do preço do site em todos os modelos. Resultado: Honda aqui é raro de se ver, já a Toyota oferece desconto de pelo menos 3% para qualquer modelo, em relação ao preço do site …. Corolla e Hilux vendem aos montes. E outra, essa conversa de que o consumidor de Honda é “racional” e compra qualquer coisa seja o preço que for, não é bem por aí. Um exemplo de uma pessoa conhecida minha, ela foi ver vários hatchs, e um deles foi o FIT, adorou o carro, tanto o design quanto o espaço, mas ao fazer o test drive ficou completamente decepcionada, suspensão dura demais e desempenho patético, e não davam um centavo de desconto sobre o valor que pediram (R$10.000 acima do preço do site no FIT LX), o resultado disso, ela comprou um Polo confortline.

      • Gomes

        Ananias, vc está repleto de razão, mas quis dizer de maneira generalizada, óbvio que toda regra tem exceção e o Brasil, por ser grande demais tem suas particularidades.

  • Cláudio

    Espaço animal é o que o City não tem. Os bancos dianteiros recuam pouco, dando a impressão de carro espaçoso pelo vão que fica para o passageiro do banco de trás. O motor, especialmente na cidade, bebe demais. E o pior: não anda! Carro lerdo e com grande indecisão no relacionamento câmbio-motor. Em suma: péssima compra. Tenho um e não compro outro jamais. Assim que puder, livro-me dessa ‘maravilha’.

  • Speed Racer

    Pena não ter ESP!

  • Rafael Straus

    Preços praticamente iguais às versões equivalentes do Virtus, mas o VW (nas versões TSi) anda mais, provavelmente bebe menos, é mais suave e, principalmente, muito mais silencioso (já conheço o City atual – que não mudou o motor – e fiz test drive no Polo.

    Só muito fanboy da Honda ou completamente desinformado para comprar esse City…

  • Retrato do Papai

    15kgfm de torque a quase 5.000rpm, que beleza hein… deve voar baixo

  • Cláudio Henrique Ferreira

    Eu tenho um city lx 2012 e o carro é incrível. Mas não pago o que pedem pelo 2018, infelizmente :(

  • REDDINGTON

    Gosto dos carros da Honda, mas falta equipamentos pelo preço que se pede. Em 2012 um Civic EXS (O TOP!) custava 85.900…Tá cada dia mais difícil esses aumentos em todas as marcas.

  • Vattt

    O Virtus tem um espaço interno e itens de conforto melhor que o Honda, só não sei o nível de acabamento e a suspensão do VW é bem mais durável que a do Honda!!!
    As montadoras elevaram os preços dos seus sedans médios e colocaram “compactos” com preço de médio e qualidade construtiva e mecânica de carro popular, Brasil afundando ainda mais e o povo na ostentação da carroça pelo fato de ser cara e 0km!!!
    Fluence – Logan
    Sentra – Versa
    Cruze – Prisma
    Cruze – Cobalt
    Civic – City
    Jetta – Virtus
    Linea (único que nunca foi médio) – Cronos
    Corolla – Yaris

  • Hernande Cruz

    A Honda tá de brincadeira, parece que ela trata o consumidor brasileiro com desprezo, aínda não colocou ESP e outros ítens comuns em outros carros. E aumenta o preço só porque deu uma repaginada

    • Ananias Anacleto

      Sem falar em pedir R$10.000 acima do preço do site, mesmo em pagamento a vista. Pelo menos é assim que a Honda trabalha aqui na região que moro. Não é a toa que Honda aqui vende pouco.

  • Delto Sampaio

    carro bom e econômico, mas quem da 83 mil num carro desses, precisa ser estudado kkkkkkk
    e ainda tem nego que da uma entrada e financia um carro desses. Aqui no Acre, deve chegar aos 90k

  • FocusMan

    Esses pequenos sedans não conseguem ser bonitos. Quando alguém faz um bonito (VW) coloca ele por um preço irreal, que vai fazer o carro vender pouco.

Quem somos

O Fotocampus é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Нашел в интернете нужный сайт с информацией про Купить диплом.
Нашел в интернете авторитетный web-сайт с информацией про брокер instaforex .
Этот интересный web-сайт , он рассказывает про как экономить.